quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Notícias de Cuba

Estou aqui pela primeira vez escrevendo notícias de Cuba. Este é nosso quinto dia do por aqui. Para os que ainda não sabiam, vim a Cuba participar de um Curso em Atenção Primária à Saúde, como parte do meu rodízio estratpegico da Residência em Medicina de Família e Comunidada. Volto na segunda semana de dezembro.

Por enquanto ainda não posso enviar fotos, visto que internet aqui não é tão simples. Culpa do governo cubano? Não! É mais uma consequência deste bloqueio genocida bancado pelos Estados Unidos.

Estamos preparando vídeos e textos sobre o que vemos e sentimos em Cuba, mas dá para adiantar que é um povo que tem dificuldades sim, num país que tem suas limitações. Mas é de fato um povo livre e que vive numa democracia. Com muitos dos seus direitos, como educação e saúde, garantidos pelo estado. E olhe que conversamos com profressoras, médicas e enfermeiras, asm também com muitos da população. Temos feito questão de conversar com pessoas na rua, nas paradas de ônibus, nas vendinhas, nos táxis, nos consultórios. Não negam as dificuldades, mas até agora não encontramos um sequer que fosse contrário ao processo revolucionário!

Pois bem... Ao longe da caminhada, vou mandado textos e notícias! Será dificil enviar fotos, por enquanto.

Quaisquer dúvidas, me escrevam por email ou por comentário. Ahh e estou cheio de pedidos já! hehe

Beijos!



 Assine o Feed do Propalando para nos acompanhar.

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Maniqueísmo nosso de cada dia e Belo Monte

Esta semana um vídeo tem provocado mais alvoroço que os vídeos de Jeremias José do Nascimento ou do Pedro que ficou com o chip da menina.

Trata-se de um filme estrelado por atrizes e atores da Rede Globo com ataques à construção da Usina de Belo Monte no Pará.

A minha primeira reação foi pensar: "Peraí! O que aconteceu? Que momento da análise de conjuntura eu perdi?"

Pois indo aos fatos... Desde sempre tive, e ainda mantenho, a postura contrária à construção de Belo Monte. Sou radical nesse posicionamento.
E a rede está cheia de argumentos. Acho que a questão do desenvolvimento precisa ser pensada, mas a obra é muito cara e trará consequencias incalculáveis ao meio ambiente e ao povo indígena da região. Para além disso, há de se refletir sobre quais são os interesses atendidos com a construção dessa usina. Transportar minério? Do povo é que não me parece ser.
Outra coisa: este é um governo de conciliação de classes. Não é o primeiro e nem será o último dos seus projetos que representam os interesses da burguesia nacional e internacional. Logo, não é novidade.

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

O Mundo está ao Avesso. De Pernas pro Ar.

"Há cento e trinta anos, depois de visitar o País das Maravilhas, Alice entrou num espelho para descobrir o mundo ao avesso. Se Alice renascesse em nossos dias, não precisaria atravessar nenhum espelho: bastaria que chegasse à janela. No fim do milênio, o mundo ao avesso está à vista de todos; o mundo tal qual é, com a esquerda na direita, o umbigo nas costas e a cabeça nos pés."

Dessa maneira Eduardo Galeano abre o seu livro "De Pernas pro Ar - A Escola do Mundo ao Avesso". Daqui a centenas de ano será documento fundamental para compreender o quão é absurdo o mundo em que vivemos hoje.

O tempo todos nos chegam notícias que explicitam isso. Tudo num volume tão grande que muitas vezes as notícias mais recentes vão deixando cair no esquecimento mesmo a mais grave das situações.

Uma delas eu faço questão de resgatar. Trata-se de uma excelente reportagem feitas por Charles Souto para o Jornal Brasil de Fato, publicada em 25 de julho de 2001. Segue abaixo.

Ahhh. Quais outras notícias de 2011 escancararam que o mundo está de fato ao avesso?


Comenta aí!


"Médicos das Usinas dão pinga para cortar o efeito do agrotóxico no corpo"
Para continuar lendo Clique no Link abaixo

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Malditos Comunistas!



Em Cuba, se você tiver aptidão para o esporte, vai poder se desenvolver com total apoio do estado. Pô, assim não vale! Do jeito que eles fazem, com escolas para todos, professores especializados e centros de excelência gratuitos, é moleza. Quero ver é fazer que nem a gente, no improviso. Aí, duvido que eles ganhem de nós. Duvido!

José Roberto Torero

Acabaram os jogos Pan-Americanos e mais uma vez ficamos atrás de Cuba.
Mais uma vez!
Isso não está certo. Este paiseco tem apenas 11 milhões de habitantes e o nosso tem 192 milhões. Só a Grande São Paulo já tem mais gente que aquela ilhota.
Quanto à renda per capita, também ganhamos fácil. A deles foi de reles 4,1 mil dólares em 2006. A nossa: 10,2 mil dólares.
Pô, se possuímos 17 vezes mais gente do que eles e nossa renda per capita é quase 2,5 vezes maior, temos que ganhar 40 vezes mais medalhas que aqueles comunas.
Mas neste Pan eles ganharam 58 ouros e nós, apenas 48.
Alguma coisa está errada. Como eles podem ganhar do Brasil, o gigante da América do Sul, a sétima maior economia do mundo?
Já sei! É tudo para fazer propaganda comunista.