sábado, 24 de julho de 2010

Direita e Esquerda nas eleições 2010


Que processo democrático é este?

Vou votar em Dilma/PT/PMDB no 2º turno? Vou (se houver, né?). Sua candidatura representa algum avanço? Obviamente não, mas a candidatura Serra/PSDB/DEM significa um retrocesso maior ainda. A questão nem é esta.

O fato é que resolvi escrever esta pequena postagem porque não aguento mais escutar/ler certo petismo mais ousado ficar apontando que a direita está nas outras candidaturas. Olha só... vou transcrever abaixo uma minúscula lista com os aliados de Dilma e do PT pelo Brasil afora:

Michel Temer, Inocêncio Oliveira, Joaquim Francisco, Severino Cavalcanti, Fernando Collor, Renan Calheiros, José Sarney, Roseana Sarney, José Maranhão, Hélio Costa, Romero Jucá, Jader Barbalho, Antonio Delfim Netto, Sérgio Cabral, Marcelo Crivella, Henrique Meirelles, Paulo Skaf, Aldo Rebello (ilustre ruralista do PCdoB) são alguns exemplos. E aí? São figuras de esquerda? São minimamente progressistas?? Ahhh, então parem de fazer discurso vazio. 

Tenho admiração pelos amig@s petistas que trazem o debate do pragmatismo como justificativa. Mesmo que sejam defensores de tal política de aliança, ao menos são honestos com os outros e com si próprios.




E só para ilustrar um pouco mais, temos hoje no Brasil cerca de 28 prefeituras em que o prefeito é do PT e o vice do PSDB e 27 em que o prefeito é do PSDB e o vide do PT. Agora pensem comigo em quantas outras eles são aliados, mas pelo um não compõe a executiva. (fonte) E quantas não devem ser também a composição com o DEM?

Não quero com este último parágrafo fazer nenhum debate purista ou "utópico". Só acho que é preciso mais coerência entre prática e discurso.

13 comentários:

  1. Bagunça pra valer é aqui na Bahia. Jacques Wagner, atual governador e candidato à reeleição pelo PT, terá como vice Otto Alencar, do PP, que sempre esteve ligado ao grupo de ACM; Geddel Vieira Lima, do PMDB que nacionalmente apoia Dilma/PT, aqui na BA sairá como candidato ao governo e conta com o apoio de César Borges, outro da tropa do falecido ACM.

    Assim fica difícil até pro eleitor identificar um plano, uma ideologia de governo...se bem que importa mesmo é o poder.

    abs

    ResponderExcluir
  2. As vezes penso, mesmo sem querer aceitar, que talvez o único caminho possível seja aquele onde, já desarmados, usamos desta estrutura podre, e tentamos formatar uma realidade política um pouco melhor para as próximas gerações.

    O PT não é um avanço, como você disse.. mas diante da possibilidade de retroceder ao PSDB.. Se calar é um crime!

    A questão pra mim, e por isso defendo a candidatura de Dilma, não passa pela pureza do PT. Não passa pelas qualidades do governo Lula ou da Candidata Dilma...

    Acima de tudo isso, a questão passa pela possibilidade de diálogo. Acredito nos movimentos sociais... E por mais que estes sejam aparelhados, ainda assim, são uma possibilidade!!
    A candidatura de Dilma é a manutenção de um espaço aberto ao diálogo! Infelizmente, hoje, sem o PT no governo, a realidade se torna muito pior!! A volta do PSDB seria destruição de qualquer possibilidade de avanço!! Seria o fim do diálogo!! Seria acabar com o sonho de um dia se ter um Brasil onde não precisaremos mais do governo do PT!

    Com toda a contradição que isto possa parecer...Se quisermos um futuro sem PT, hoje...acredito que precisamos do PT!

    ResponderExcluir
  3. Ruy, acho que talvez nossa única divergência esteja na sua avaliação de que há espaço para diálogo com a candidatura Dilma. Não acredito nisto. No resto, fechamos, como pode ser percebido na minha postagem.

    Concordo, Jaime. Acho até que bagunça é pouco para descrever, né?

    ResponderExcluir
  4. Eu vejo com preocupação também, a candidatura de Dilma. Por outro lado, tenho esperança na disputa interna no PT. Dilma não é Lula, graças a deus!! Ela não tem força interna pra fazer o que quiser. Precisa sim do partido. Ela é truculenta? É! Mas precisa do PT.
    E Serra?? Ele é truculento e não precisa de ninguém!!
    Infelizmente Plínio não é uma realidade possivel... e Marina, pra mim, é uma grande decepção.

    Isso reforça minha "campanha" pro PT e não pro Dilma.

    ResponderExcluir
  5. Bem... quanto a Serra, não precisamos nem tecer comentários mais. É só baixar o pau mesmo ehehe. É o inimigo a ser batido. Mas acho que agora escancarou-se a nossa maior divergência: acreditar em disputa do PT não dá mais. Em ascensao, na década de 80, havia disputa do partido. Desde os anos 90 não existe mais disputa no PT. O que existe é dinheiro e truculência se sobrepondo a qualquer espécie de ideal.
    Outro grande nó é que avalio que perdemos tempo demais na esquerda nos debatendo entre nós mesmos. Nos desgastando com as disputas internas. Sendo que os nossos adversários são outros! Terminamos, então, gastando energia demais nas nossas ditas disputas internas, enquanto nossos verdadeiros adversários estão lá fora avançando, avançando e avançando.

    Há gente valorosa dentro do PT sim. Mas acredito que muitos utilizando suas forças em sentidos diversos. Sem acúmulo.

    ResponderExcluir
  6. Pois é... o inimigo está posto! Todos sabemos quem é.
    Históricamente, a esquerda sempre se degladiou internamente. E, isto talvez seja nosso maior defeito.

    Uma pequena correção. Quando digo disputa interna no PT, não estou acreditando que alguém possa vencer a majoritária internamente. Estou dizendo que, mesmo na majoritária, existem pessoas que não vão permitir grandes disparates de Dilma.

    Acho que os bons nomes do PT, perceberam que, infelizmente lá dentro nós perdemos.

    Vejo o Brasil caminhando pruma democracia "americanizada". Dois partidos de centro, que divergem em pontos. E, mesmo nos EUA grupos progressistas terminam por aglutinar em torno dos democratas.

    A idéia passa a ser... vamos eleger o menos ruim e continuar trabalhando pra não precisar dele!! Afinal de contas, o outro lado é bem pior!

    Não fico feliz com isso, mas é a leitura que tenho feito agora.

    Só espero que, no Brasil, consigamos, em algum tempo, nos livrarmos das amarras deste modelo. Mas por enquanto, acho que devemos trabalhar sim, pela manutenção do PT e pelo fortalecimento dos movimentos sociais.

    ResponderExcluir
  7. Como complemento..

    acredito muito na consulta popular, mas...mesmo ela... precisa do PT, hoje. Um governo do PSDB seria trágico pra qualquer um! Pro MST, pra consulta... pra qualquer um!

    ResponderExcluir
  8. Ruy! Não acredito que necessitemos assim do PT. Mas estamos juntos na proposta pelo "fortalecimento dos movimentos sociais."

    :D

    ResponderExcluir
  9. minha pergunta é... existe MST com serra no governo?? Se existe, não precisamos!! Eu acho que não existe! hehehe

    ResponderExcluir
  10. Elementar, caro amigo ruy!! Sempre houve! O MST surgiu, cresceu e se fortaleceu em governos ditos da direita clássica. Definitivamente, os movimentos sociais combativos de verdade não precisam de governo para se manter.

    Faço apenas um porém e trago como exemplo a Bolivia. Quando já existe um grande acumulo de forças sociais, aí sim assumir o governo passou a ser uma etapa necessaria para alçar novas conquistas. O exemplo do MAS na Bolivia, para mim, é fantastico para compreender esta questao

    grande abraço!

    ResponderExcluir
  11. Boa análise...

    Por outro lado, temos o fator territorial pra nos comprometer. O Brasil é gigante e aglutinar é bem mais complicado. Além de termos uma direita "esquerdizada" o que é bem mais complicado de combater(assim como o chile).

    Vejo hoje um combate MUITO forte da direita tradicional aos movimentos sociais. Mais do que já tivemos um dia.

    Combater o MST se tornou bandeira do PSDB!!

    Sonho com um dia em que teremos um MAS brasileiro, mas ...até lá... prefiro o PT ao PSDB no governo!

    Minha idéia é:
    Deixa o PT no governo e, até mesmo, usar dele...
    Pra um dia não precisarmos mais dele!!

    Por essas e outras que cogito a possibilidade de vir a trabalhar com o PT!!! Usar da estrutura dele ao ponto de fortalecer uma base, pra num futuro próximo não precisarmos mais dessa estrutura!


    abraço caba!

    ResponderExcluir
  12. http://www.viomundo.com.br/radio/stedile-os-movimentos-sociais-retomam-a-forca.html

    mais sobre o assunto.

    ResponderExcluir
  13. cAMARADAS ESTA HISTÓRIA DE USAR DA ESTRUTURA, ESTAR POR DENTRO PARA DISPUTAR, FORTALECER A BASE. jÁ ERA, POIS o MST STÁ PERDENDO EXCELENTES QUADROS EM PE POR CONTA DESTA HISTÓRIA. SETORES DE SEM TETO AGORA FAZEM SEUS ENCONTROS NO MAR HOTEL E ETC... AS CAMAS FOFAS, TAPETES FELPUDOS E BONS CANAPÉS ESTÃO AFASTANDO A DIREÇÃO DESTES MOVIMENTOS DE SUA BASE. NESTE ASPECTO O PT É MESTRE. COOPTAR AS DIREÇÕES E ADISPUTA.... BABAU. TAMBÉM NÃO DEFENDO O SECTARISMO E PURISMO DO PSTU. MAS ALIANAÇS TEM QUE TER PRINCÍPIOS EM NOSSO FAVOR.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails