quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Isso eu não perdôo


Ontem, numa conversa demorada com amigos, discutíamos opiniões sobre o futuro do nosso povo e sobre quais seriam os caminhos mais viavéis, na visão de cada um, acerca dos próximos passos da esquerda em nosso país e em Pernambuco.

E durante o debate, por mais de uma vez, argumentei que não deveria ser o sentimento de raiva que nos movesse em qualquer situação contra o presidente Lula.
Mas quer saber? Tem algo em Lula que me dá muita raiva. Que não tem perdão: ele deseduca nosso povo. A despeito de achar, hoje, que mesmo o mais radical dos radicais possui mínima margem de manobra dentro do governo para qualquer transformação, o presidente Lula teve uma chance histórica de inflamar o povo brasileiro para a necessidade da luta. Para a necessidade de politização de qualquer debate. Dizer que só a luta transforma nossa realidade. Mas não o fez. E não o fez por opção. Muito pelo contrário. Isso eu não perdôo.

2 comentários:

  1. Arizinho! Rolou esse papo ontem na casa de Casta? Devia ter ido, bicho!
    Abração.

    ResponderExcluir
  2. o pior foi ver lula abracando collor hahahahha...nossa senhora!!!!

    brasil pra frente, marina presidente huhuhuuhuh. Mas falando serio, eu voto na marina fechadissimo. Pode ate botar o giba-gil como vice que nao to nem ai.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails