terça-feira, 23 de setembro de 2008

Exemplo pedagógico: Equador controla Odebrecht

O exemplo pedagógico é fundamental na política. E está aí a grande diferença entre o governo neodesenvolvimentista de Lula no Brasil e governos populares progressistas da América Latina, como o de Rafael Correa no Equador.

Estes sim, fazem governos progressistas

Enquanto Lula fica dando uma de "esquerda" ao discursar na ONU: "É inadmissível... que os lucros dos especuladores sejam sempre privatizados e suas perdas, invariavelmente socializadas.", o governo de Rafael Correa, por meio de decreto, embargou os bens da Odebrecht e ordenou a militarização imediata das obras comandadas por tal empresa brasileira.
Tudo devido a uma indenização que a empresa deve ao governo equatoriano por obras de merda.

Emilio Odebrecht

Apesar de tais governos progressistas na AL estarem longe de representar, de fato, governos revolucionários, estão todos anos-luz na frente do governo Lula. Aliás, talvez não caiba nem esta comparação...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails